domingo, 28 de agosto de 2016

Governo Golpista planeja privatizar gestão de presídios, creches e hospitais.

Governo de Michel Temer de anunciar medidas após reunião do G20


BRASÍLIA — Assim que for encerrado o capítulo do impeachment, o presidente interino, Michel Temer, terá de tomar medidas para acabar com a sensação de governo provisório e dar continuidade à construção de estabilidade e credibilidade para os próximos dois anos. Para dar a feição que seu governo quer ter, além dos já anunciados teto para gastos públicos e reforma da Previdência, Temer terá mais uma prioridade: a abertura para o capital privado em todos os setores possíveis, fugindo do formato tradicional de fazer concessões apenas na área de infraestrutura.


-Nas privatizações está o modelo de corrupção mais difícil de combater-
*Governo Temer planeja privatizar gestão de presídios, creches e hospitais*

Entre as medidas que devem ser anunciadas após a viagem que Temer fará à China, para a reunião do G-20, estão um programa de concessões em parceria com os estados, voltado para áreas essenciais como hospitais, creches, presídios e saneamento. O modelo já é adotado por estados como Goiás e municípios como Belo Horizonte para instituições de ensino.

O Brasil com a elite no poder era assim.

Resultado de imagem para fome no brasil decada de 90

Muitos não se lembram,, mas, a fome já matou milhares de brasileiros a menos de duas décadas atras. A revista que hoje defende o cenário sombrio da política brasileira denunciava a fome pelo país a fora, ela mesma falava da falta de políticas publicas voltadas para o combate a fome. O cenário mudou, muitos deixaram de fazer parte ou mesmo ser a capa da reportagem da revista em questão. O Nordeste, antes visto como uma região de miseráveis, passou a ser visto como uma região em desenvolvimento. Mas, isso não importa, o que importa no momento é tomar o poder, é mandar de volta os pobres para sua miséria, os negros de volta as senzalas, e os filhos e filhas dos trabalhadores de volta ao seu estado de servos da burguesia. Quanto aos nossos políticos, esses deixaram bem claro quais são os seus interesses. Os filhos(as), os netos, as sogras, as viúvas, as amantes. E o povo? O povo que se dane!  O povo só na época da eleição para garantir o lugar no bando por eles formados. É triste ter que dizer para meus alunos, meus filhos e para a geração futura, que estávamos errado, O conceito de democracia não é aquele sonhado por muitos. dizer que foi em vão as torturas, as vidas ceifadas, as mulheres mortas e estupradas, os pais de famílias desaparecidos e não encontrados. Que tudo isso não valeu a pena, pois os coronéis fizeram direitinho o seu papel, mantiveram seu rebanho dentro do curral e, como o Imperador Romano Cômodus sonhou, eternizaram sua prole no poder. Não temos mais um Moisés para nos guiar para a terra prometida, não temos mais um Tiradentes. Tudo o que temos agora é um bando de Silvério do Reis, Ganga Zumba etc. etc. etc.